Mais Cirurgias: Governo contabiliza 400 cirurgias em três meses no Hospital Regional de Lago da Pedra

Fotos: Divulgação

O Governo do Estado segue realizando procedimentos do Programa Mais Cirurgias em unidades da rede estadual de saúde. No Hospital Regional Dr. Rubens Jorge, em Lago da Pedra, de 6 de outubro de 2020 a 12 de janeiro de 2021 foram realizados 387 procedimentos cirúrgicos. O objetivo do programa é ampliar a oferta de cirurgias e reduzir o tempo de espera pelos procedimentos. O Hospital Dr. Rubens Jorge tem se consolidado como mais uma unidade de saúde que fortalece a rede pública de saúde do Maranhão na região do Médio Mearim.

O hospital foi inaugurado pelo Governo do Estado no dia 8 de junho de 2020 e seu atendimento foi direcionado para atender exclusivamente casos de Covid-19 na região. Com a estabilização dos casos, em outubro, o hospital passou a prestar um atendimento mais amplo e especializado para a população.  

“No Hospital Dr. Rubens Jorge, hoje, realizamos cirurgias das mais diversas, com uma excelente equipe empenhada em atender a população, além de oferecer um trabalho humanizado e de qualidade”, ressaltou a diretora geral do hospital, Solange Vieira da Cruz Bispo.

O Hospital Regional Dr. Rubens Jorge possui 64 leitos, divididos para receber pacientes com a Covid-19 e os que saem dos procedimentos cirúrgicos. Entre as cirurgias realizadas com mais frequência no hospital de Lago da Pedra estão as de histerectomia, colecistectomia, laparotomia, perineoplastia, varicocele, retirada de nódulo mamário, entre outras. 

Marizete Oliveira Dias Santos, de 55 anos, natural de Poção de Pedras, se submeteu a uma cirurgia de colecistectomia (retirada da vesícula). Ela agradeceu o cuidado que recebeu. “Só tenho a agradecer a Deus e a equipe do hospital. Foi tudo legal, minha cirurgia foi um sucesso. Gostei demais desse hospital, da limpeza, da higiene e dos profissionais que me atenderam”, opinou a paciente.

O presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), que gerencia a unidade, Marcos Grande, destaca o importante papel da unidade de saúde e do programa. “Essa unidade de saúde está atendendo plenamente e faz parte desse esforço que o Governo do Estado tem feito para ampliar sua capacidade instalada e regionalizar a saúde pública especializada no Maranhão. Estamos no caminho certo, no sentido de fazer uma rede de saúde pública forte e regionalizada para atender a população maranhense e salvar o maior número de vidas possível”, afirmou.