28 de outubro de 2020

Hospital do Câncer realiza programação em alusão ao Dia Mundial de Cuidados Paliativos

Fotos: Ana Sheyla Fernandes

Por Daucyana Castro

O Hospital do Câncer realizou, nesta quarta-feira (28), uma ação voltada para seus colaboradores, em alusão ao Dia Mundial de Cuidados Paliativos, comemorado dia 10 de outubro. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), Cuidados Paliativos são ações que consistem na assistência promovida por uma equipe multidisciplinar. O objetivo é melhorar a qualidade de vida do paciente e de seus familiares, diante de uma doença que ameace a vida, por meio da prevenção e alívio do incômodo e dor.

O Hospital do Câncer é referência no atendimento a pacientes com câncer no Maranhão e é gerenciado pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH).

O diretor clínico da unidade, o médico José Klerton Luz Araújo, iniciou as atividades falando da importância dos cuidados paliativos e reforçou a manutenção de uma equipe de extrema qualidade, engajada e voltada para esse atendimento. 

“Muitos pacientes chegam aqui com a doença bem avançada. Nada mais justo que termos uma equipe capacidade para a assistência desses pacientes, que precisam, além do tratamento específico como quimioterapia e radioterapia, controlar os sintomas, melhorar a qualidade e o tempo de vida. É necessário esse cuidado paralelo com esse paciente, que não tem a perspectiva do tratamento curativo e que vai ter que conviver com aquilo até o último dia de vida dele” relatou.

O coordenador do Serviço de Cuidados Paliativos, João Batista Garcia, explicou que a mensagem da campanha este ano é “Meu cuidado, meu conforto” e está direcionada para cinco grupos de pessoas: pacientes, cuidadores, equipes, governos e pacientes com covid 19.

“A ideia é que o mundo todo pare para refletir sobre a importância desses cuidados. Escolhemos o mês de outubro para sensibilizar as pessoas, explicar a importância dos cuidados paliativos, que tipos, e que não são destinados somente a pessoas que estão morrendo, mas para qualquer pessoa que tenha uma doença que ameace sua vida”, explanou.

Um mosaico de fotos e depoimentos foi montado na sala onde ocorreu a ação. Um vídeo de 5 minutos também foi exibido com um resumo de como é realizado esse trabalho de cuidados paliativos no hospital e trouxe também depoimentos de familiares de pacientes que passaram pelo hospital.

“Fazer com que minha mãe não sinta dor, coma o que ela tenha vontade de comer, fazer com que ela receba quem ela queira receber”. Esse foi um dos depoimentos do vídeo que trazia o relato da filha de uma das pacientes atendidas no Hospital do Câncer.

O secretário adjunto de Atenção em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (SAAS/SES), Carlos Vinícius Ribeiro também participou do evento e na ocasião anunciou a instalação de uma comissão de cuidados paliativos dentro da SAAS/SES.

“Essa comissão vai nortear todas as decisões e orientações para as unidades de saúde que quiserem implantar esse serviço, que é pioneiro no Brasil, que atende tanto o paciente quanto a família. Falar de cuidados paliativos não é falar de morte. É sobre dar conforto e dar cuidado”, explicou o secretário adjunto.

Além de um lanche simbólico, foram distribuídas borboletas com chocolate para os presentes. A borboleta azul foi escolhida pelo significado nos cuidados paliativos, a metamorfose associada às transformações da vida, a morte como uma possibilidade de renovação e a alma ganhando vida em liberdade na imagem da borboleta.

Daucyana Castro

POSTAGENS

RECENTES


Governo disponibiliza drive-thru de testagem para a Covid-19 a partir de segunda-feira (4)

Por Daucyana Castro O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), vai disponibilizar, a partir [...]

Governo reduz espera de maranhenses por procedimentos oftalmológicos com o Programa Mais Cirurgias

Com o Programa Mais Cirurgias, o Governo do Estado tem ampliado a oferta de procedimentos oftalmológicos pelo Maranhão e, assim, [...]

UPA de Paço do Lumiar celebra dois anos de funcionamento com mais de 200 mil atendimentos

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Paço do Lumiar completou, em 23 de junho, dois anos de funcionamento, contabilizando [...]