13 de outubro de 2021

Governo contabiliza mais de 6 mil atendimentos com Saúde na Praça no Monte Castelo e no Parque São João Paulo II

Fotos: Laécio Fontenele

O Governo do Estado realizou, na última semana, duas edições do Programa Saúde na Praça: uma com foco na Saúde Mental e outra na área de Oftalmologia. Na sexta-feira (8), a ação aconteceu no Monte Castelo e, no sábado (9), os atendimentos foram levados para o Parque São João Paulo II, na região central de São Luís. Somadas, as duas ações contabilizaram mais de 6 mil atendimentos. 

Na Praça Mestre Antônio Vieira, no Monte Castelo, foram registrados 637 atendimentos em diversos serviços, como consultas psiquiátricas e atendimento psicológico. A ação, focada nos cuidados à saúde mental, ofereceu também aferição de pressão e glicemia, testes rápidos, exame preventivo, vacinação e avaliação nutricional. Também houve triagem para cirurgias nas áreas de Ginecologia, Geral e Urologia. 

A gerente de vendas Maria Benedita Ribeiro Fonseca, de 36 anos, aproveitou a ação e já saiu com a cirurgia marcada. “Preciso retirar um mioma e fazer uma laqueadura. Fiquei sabendo dessa ação e vim. O atendimento foi rápido. O médico me encaminhou para o Hospital Aquiles Lisboa e, agora, eu creio que vou operar”, disse Maria Benedita. 

No sábado (9), a 5ª edição do Saúde na Praça teve como foco os atendimentos oftalmológicos, direcionados para cirurgias de catarata, pterígio e retina. A ação aconteceu no Parque João Paulo II, mais conhecido como Papódromo, na região central de São Luís.  

O senhor João Batista Marques de 70 anos foi a primeira pessoa a ser atendida. Com os exames prontos, ele voltou pra casa com a cirurgia agendada. “Preciso operar de catarata e deu tudo certo. E já tá tudo marcadinho, tudo no jeito. O atendimento foi excelente, foi de primeira qualidade. Gostei muito e estou indo feliz da vida para casa”, elogiou o idoso.

Os pacientes passaram por avaliação do oftalmologista e fizeram exames como fundoscopia, escavação, mapeamento de retina, microscopia e biometria para conclusão de diagnóstico, contabilizando 5.388 procedimentos. 

O presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), Marcos Grande comentou que o Saúde na Praça já está mais que consolidado como instrumento de facilitar o acesso da população aos serviços de saúde. 

“O Governo do Estado tem feito um esforço grande para reduzir a espera por cirurgias. O nosso objetivo é fazer com que essas pessoas sejam atendidas o mais rápido possível, usando a estrutura de um programa que tem se consolidado neste segundo semestre, que é o Saúde na Praça. Se houver necessidade, vamos fazer outras ações”, frisou Marcos Grande. 

O Programa Saúde na Praça é uma ação da Secretaria de Estado da Saúde e foi criado com a proposta de democratizar o acesso à saúde e ampliar os atendimentos em saúde em várias regiões. Nas cinco edições já realizadas, foram registrados 17.214 atendimentos.

Daucyana Castro

POSTAGENS

RECENTES


Governo realiza ações do Saúde na Praça no município de Açailândia neste sábado (28)

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares [...]

Governo leva Saúde na Praça à população da Região de Itapecuru-Mirim

Fotos: Ilano Lima O Governo do Estado levou, nesta quarta-feira (25), as ações do Programa Saúde na Praça ao município [...]

Lacen comemora 103 anos de fundação com ação para colaboradores

O Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen-MA) completou na última sexta-feira, 20, 103 anos de fundação e para [...]