Cemesp promove ações de prevenção ao diabetes

(Foto: Julyane Galvão)

Cemesp realizou diversas ações de saúde. (Foto: Julyane Galvão)

Em São Luís, o Centro de Medicina Especializada (Cemesp), no Bairro de Fátima, realizou nesta terça-feira (7), uma série de ações educativas voltadas para a prevenção do diabetes, assim como de aferição de pressão arterial, glicemia, testes rápidos de hepatites, sífilis e imunização. Executada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), a ação alertou a população quanto à importância da prevenção e do diagnóstico precoce da diabetes e hipertensão arterial.

A diretora administrativa do Cemesp, Ana Flávia Lustosa, ressaltou que as ações educativas são importantes para reforçar a construção de hábitos saudáveis e cuidados para evitar a doença. A ação antecipa o início da atividades em alusão do Dia Mundial do Diabetes, comemorado em 14 de novembro.

“As ações da campanha pelo Dia Mundial do Diabetes são importantes para reforçar que a prevenção depende de atitudes que envolvam hábitos de vida saudáveis como alimentação equilibrada, prática de atividade física e a não ingestão de bebidas alcoólicas e a não prática do tabagismo”, explicou Ana Flávia Lustosa.

Para a dona de casa Lindalva Ribamar Oliveira, de 60 anos, a campanha de divulgação da necessidade do diagnóstico precoce é fundamental para a prevenção, assim como para proporcionar o tratamento adequado. “É importante esse trabalho da Secretaria de Saúde. Tem muita gente que não tem acesso aos serviços e aproveitam para saber como estão de verdade. Hoje eu vim até aqui para aproveitar os serviços e fazer um check-up”, disse.

O idoso Manoel Gomes Sousa, de 76 anos, também participou das ações de prevenção. Ele aproveitou para aferir a pressão arterial e revelou que o segredo de ter chegado a esta idade com saúde foi à prevenção. “Vim medir a pressão, porque a gente tem que ficar atento à idade. A gente vai ficando velho e as coisas ficam mais difíceis. Sempre procurei o médico para ver como estava minha saúde, e, por isso, cheguei até aqui com saúde. Graças a Deus”, disse.

Atendimentos

Atualmente, o Cemesp, referência em Diabetes e Hipertensão, realiza 23 mil atendimentos mensais, entre exames e consultas. O ingresso do paciente é realizado por meio de relatório médico, onde consta o histórico do paciente, as segundas e sextas feiras, de 8h ao meio-dia, quando é feita o agendamento de consultas e cadastramento nos grupos.

O acompanhamento dos pacientes cadastrados é realizado mensalmente pela equipe responsável. Durante as consultas individuais são avaliadas as condições gerais dos pacientes, como a pressão arterial, glicemia entre outros.  Na oportunidade também são repassadas orientações necessárias como, por exemplo, a dieta a seguir.

No programa os pacientes também contam com encontros coletivos. Nos grupos os participantes têm a oportunidade tirar suas dúvidas, compartilhar informações e experiências e receber orientações profissionais.

Fonte: Secretaria de Estado da Saúde