11 de abril de 2022

Atendimento humanizado minimiza impactos da internação de bebês da UTI Neo do Hospital Regional de Timon

A internação prolongada de bebês recém-nascidos pode se tornar angustiante, especialmente para as mamães. Foi pensando em uma forma de amenizar a ansiedade pela alta médica, que a Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal (UTI Neo) do Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco, em Timon, realizou um ensaio fotográfico, tendo como inspiração a celebração da Páscoa. O objetivo foi levar às famílias alívio através de uma assistência terapêutica diferenciada e humanizada.

Com fantasias de coelho, cenoura e ovinhos de páscoa, os bebês internados na UTI Neo da unidade que integra a rede hospitalar da Secretaria de Estado da Saúde (SES), foram registrados nas incubadoras ou no colo materno.

“A Páscoa é sinônimo de alegria e esperança, nada melhor do que levar isso aos papais e mamães que acompanham a assistência a seus bebês. O que o poder público estadual tem feito nos últimos anos é elevar o nível do atendimento nas unidades públicas, assim, iniciativas como essa no Hospital Regional de Timon têm sido cada vez mais comuns”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Tiago Fernandes. 

De acordo com a supervisora do setor, Andressa Pinto, a proposta é desenvolver uma ação especial e didática com os prematuros todos os meses. “A ideia surgiu com o objetivo de trazer leveza para essa fase difícil que as famílias e os bebês vêm passando nos dias prolongados de internação. Preparamos um ensaio de Páscoa com a interação de toda a equipe multidisciplinar. A humanização no cuidado dos bebês traz alívio e aumenta o vínculo com a equipe”, explicou Andressa.

Vestido de coelhinho da Páscoa, o pequeno Pedro é um dos bebês atendidos no hospital por ter nascido prematuro de 34 semanas e dois dias. A mãe dele, Francisca da Silva, natural de Codó, disse que ficou emocionada com a iniciativa. “A gente fica feliz com uma atitude como essa. Eu achei que ele ficou lindo com a roupinha que puseram. A assistência que ele e eu estamos recebendo está boa demais, todos os médicos e enfermeiras são muito cuidadosos conosco”, contou. 

Desde quando iniciou as suas atividades, a UTI Neo do Hospital Regional de Timon vem cuidando de bebês que necessitam de acompanhamento médico multiprofissional até que eles tenham condições de ir para casa. Atualmente, oito bebês estão internados, sendo quatro recém-nascidos por prematuridade (UTIN), dois na Unidade de Cuidados Intermediários Convencional (UCINCo) e mais dois na Unidade de Cuidados Intermediários Canguru (UCINCa).

Daucyana Castro

POSTAGENS

RECENTES


Governo leva Saúde na Praça à população da Região de Itapecuru-Mirim

Fotos: Ilano Lima O Governo do Estado levou, nesta quarta-feira (25), as ações do Programa Saúde na Praça ao município [...]

Lacen comemora 103 anos de fundação com ação para colaboradores

O Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen-MA) completou na última sexta-feira, 20, 103 anos de fundação e para [...]

Equipe da rede estadual de saúde emociona paciente com ida à praia para rever o mar

Fotos: Laécio Fontenele “Só de estar aqui com vocês, com toda a equipe que me auxilia, que cuida da minha [...]