Maranhão avança na assistência ao Câncer entre crianças e adolescentes

 

Serviço atende crianças e jovens de 0 a 18 anos e 11 meses das regiões de saúde de Imperatriz, Balsas, Barra do Corda e Açailândia. (Foto: Divulgação)

O Governo do Estado desenvolve ações de enfrentamento ao câncer. Nesta sexta-feira (23), é o Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantil, e no Maranhão a população conta com a Unidade de Oncologia Pediátrica, em Imperatriz. A unidade funciona desde novembro de 2017 no Hospital São Rafael, através de um convênio firmado com a Secretaria de Estado da Saúde (SES). O serviço atende crianças e jovens de 0 a 18 anos e 11 meses das regiões de saúde de Imperatriz, Balsas, Barra do Corda e Açailândia, somando 43 municípios.

Waldila de Araújo, moradora de Imperatriz, é mãe de Laura, uma das crianças em tratamento quimioterápico na unidade. Sem ter como deixar o município, ela agradece por não precisar se deslocar a São Luís ou Teresina. “Ter de ficar longe da família iria causar um transtorno na minha vida, tudo já é muito difícil e ainda se precisasse estar longe de casa seria um sofrimento a mais. Aqui em Imperatriz, minha filha além de fazer a quimio, faz exames específicos e tem todo o acompanhamento de urgência e internação que precisa para responder com eficiência às sessões”, afirmou Waldila de Araújo.

A unidade possui 12 leitos para oncologia pediátrica clínica, cinco para cirúrgica, dois leitos de UTI, exames laboratoriais e de imagem. “A Unidade de Oncologia Pediátrica representa um avanço no combate ao câncer infantil no estado. A gestão estadual oportunizou a ampliação da rede de tratamento oncológico no Estado”, frisou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

O diretor administrativo da unidade oncológica pediátrica, Walmir Oliveira, considera o equipamento completo para o tratamento. “A unidade dispõe de consultas médicas especializadas, exame laboratorial e diagnóstico por imagem (radiologia, tomografia, ressonância magnética, medicina nuclear, ultrassonografia, radiologia). Os pacientes têm também todos os serviços conveniados disponíveis no Hospital São Rafael. Não é necessário sair de Imperatriz ou da região para realizar o tratamento de saúde”.

Serviço atende crianças e jovens de 0 a 18 anos e 11 meses das regiões de saúde de Imperatriz, Balsas, Barra do Corda e Açailândia. (Foto: Divulgação)

A oncologista pediátrica Maria Teresa Albuquerque revelou que o câncer de maior incidência dos atendimentos na unidade é a leucemia e que é essencial a precocidade do diagnóstico. “Quanto mais cedo o responsável pela criança levar ao pediatra para investigar os sintomas da leucemia, mais rápido é iniciado o tratamento, que pode ser quimioterapia, radioterapia ou cirurgia, combinados ou não. A radioterapia é bem pouco usada em crianças, pois produz mais efeitos colaterais a longo prazo. Atualmente, realizamos 60 consultas por mês e 38 crianças estão em quimioterapia”, disse.

Unidade de Oncologia Pediátrica

A unidade tem 12 leitos para oncologia pediátrica clínica, 5 para a cirúrgica e 2 leitos de UTI. A capacidade instalada é de 54 atendimentos por mês nos leitos clínicos e 25 no cirúrgico. O funcionamento é por meio de regulação.