Hospital de Matões do Norte é referência em atendimento na Regional de Itapecuru

Mais um equipamento de saúde da gestão estadual está mudando para melhor a vida de maranhenses que agora têm atendimento médico com resolutividade dos problemas de saúde. O Hospital Regional de Matões do Norte, referência em trauma-ortopedia e urgência e emergência na Regional de Saúde de Itapecuru, prestou 29.796 atendimentos, de janeiro a junho deste ano.

Foto-1_Divulgação_SES_07072016-Hospital-de-Matões-do-Norte-é-referência-na-regional-de-Itapecuru-1024x768As 11 especialidades cirúrgicas disponibilizadas na unidade somaram 971 procedimentos realizados este ano. Além disso, o hospital dispõe de serviços de clinica cirúrgica, enfermagem, nutrição, fisioterapia, serviço social, eletrocardiograma, ultrassonografia, análise clínica e raios-X. Juntos, esses procedimentos contabilizaram 28.825 atendimentos.

A comerciante Sílvia de Jesus Lima esteve internada na unidade após passar por um procedimento cirúrgico. Ela avalia como positivos os avanços que observou no atendimento recebido. “Desde que cheguei ao hospital fui bem atendida e não tenho o que reclamar dos dias que estive internada. Meu filho ficou comigo e também viu que não faltou nada. É bom poder contar com esse serviço na saúde pública”, relatou.

O Hospital Regional de Matões do Norte é o único equipado com Unidade de Terapia Intensiva na região que compreende desde a cidade de Itapecuru até Parnaíba, no Piauí, ou seja, a unidade é essencial para o atendimento de casos cirúrgicos que podem implicar complicações, como o de cardiopatas, pneumopatas, hipertensão ou diabetes.

“Esse hospital foi um presente para a região, pois antes a demanda era muito grande para a quantidade de médicos, que precisavam ser verdadeiros heróis para conseguir atender a todos. Com o hospital de Matões do Norte, temos a estrutura de um hospital particular, porém que atende pelo SUS, com corpo clínico qualificado e equipamentos com alta tecnologia”, afirmou o diretor-geral do Hospital Regional de Matões do Norte, Danilo Everton.

Ele ressaltou, ainda, o esforço da SES nesse semestre em retomar as atividades de ortopedia. “Em apenas uma reunião, o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, instaurou novamente a ortopedia em nosso hospital. É muito expressiva a quantidade de atendimentos que realizamos neste setor. Nosso objetivo é que o paciente seja bem atendido de forma rápida e resolutiva”, considerou o diretor Danilo Cavalcante.

O Hospital Regional de Matões do Norte foi inaugurado em janeiro de 2014 e fica situado às margens da BR-135, km 135, no Centro. No início, a unidade funcionava com perfil assistencial de hospital de 20 leitos, porém, foi ampliada na atual gestão para 31 leitos, aumentando, assim, sua capacidade de atendimentos. Os leitos estão distribuídos em 16 para cirurgia geral e clínica médica, dez para ortopedia e cinco de Unidade de Cuidado Intermediário (UCI).

A parte organizacional do Hospital Regional de Matões do Norte é composta pelo protocolo de Classificação de Risco, Unidade de Cuidados Intermediários (UCI), Centro Cirúrgico com três blocos cirúrgicos, Sala de Ultrassonografia, Sala de Raio X, laboratório e internação. O corpo clínico é formado por um médico ortopedista, dois cirurgiões gerais, um anestesista, um médico intensivista para UTI e um ultrassonografista.