Dia Nacional de Combate ao Tabagismo chama atenção para os males causados pelo cigarro

Nesta quinta-feira (29) é celebrado no Brasil o Dia Nacional de Combate ao Fumo.

O cigarro pode causar cerca de 50 doenças diferentes, especialmente problemas ligados ao coração e à circulação, cânceres de vários tipos e doenças respiratórias. Em cada tragada são inaladas 4 700 substâncias tóxicas.

Segundo especialistas, o hábito de fumar é responsável por diversos tipos de doenças, entre elas, o Câncer, considerado uma das mais graves.

No Hospital de Câncer do Maranhão, unidade gerida pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), mensalmente são realizadas no hospital 2.400 Consultas, 100 Cirurgias, 770 sessões de Quimioterapia, além de atendimento regular no SPA (Serviço de Pronto Atendimento).

Entre as maiores demandas estão os cânceres de pulmão, cabeça e pescoço, que tem como principais fatores de risco justamente o tabagismo.

O que você ganha se ficar sem fumar por…

20 minutos: a pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal.

2 horas: não tem mais nicotina circulando no sangue.

8 horas: o nível de oxigênio no sangue se normaliza.

2 dias: o paladar ganha sensibilidade novamente.

3 semanas: a respiração fica mais fácil e a circulação sanguínea melhora.

5 a 10 anos: o risco de sofrer infarto passa a ser igual ao de quem nunca fumou.

Fonte: Comunicação e Marketing/EMSERH