6 de dezembro de 2021

Com o Saúde na Praça, Governo leva atendimentos oftalmológicos a mais de 600 pessoas em Açailândia

Fotos: Laécio Fontenele

Por Daucyana Castro

Com a realização do Programa Saúde na Praça, o Governo do Estado levou, nesta sexta-feira (3), atendimentos oftalmológicos a mais de 600 pessoas em Açailândia, distante 562 km da capital São Luís. Executado em parceria com a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), o programa tem o objetivo de facilitar o acesso da população aos serviços de saúde.

O atendimento ocorreu na Policlínica, unidade que compõe a rede estadual de saúde. O vice-governador Carlos Brandão e o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, acompanharam os atendimentos, junto com uma comitiva de autoridades locais e deputados.

“É uma oportunidade ímpar para essas pessoas, permitir que elas possam enxergar, brincar com seus netinhos. Sentimos que a demanda aumentou. Açailândia é uma cidade grande e por isso aumentamos a oferta. Esse trabalho dá dignidade e cidadania às pessoas. O Governo do Estado tem esse foco, de cuidar da saúde das pessoas. Nosso governo tem um olhar individual para cada cidadão”, afirmou Carlos Brandão.

“Era muito aguardado esse mutirão oftalmológico aqui em Açailândia. Nós começamos com 200, depois 400, chegamos a 600 pessoas atendidas aqui para fazer cirurgias. Muitos estavam esperando há tempos por essa cirurgia. Vamos continuar cuidando das pessoas. Viva Açailândia, viva o SUS, viva o Maranhão!”, completou o secretário Carlos Lula.

Durante a ação, os pacientes passaram por exames como risco cirúrgico; exames laboratoriais; mapeamento de retina; tonometria; dilatação de pupila e identificação de pacientes para cirurgia de catarata e para cirurgia de pterígio. Os pacientes que passaram pela triagem cirúrgica serão operados nos dias 10 e 11 de dezembro.

“Mais uma edição de sucesso do Saúde na Praça. Antes das 10h da manhã, já tínhamos atendido mais de 300 pessoas. É um programa já consolidado, em regime de mutirão, que tem ajudado muito a agilizar os atendimentos em saúde que ficaram represados na pior fase da pandemia”, pontuou o presidente da EMSERH, Marcos Grande. 

Aprovação

Noemi elogiou a iniciativa

A aposentada Noemi Teixeira de Jesus, de 70 anos, foi à Policlínica de Açailândia e quando viu a movimentação do Saúde na Praça aproveitou e ficou. Ela precisa de cirurgia de catarata e pterígio. “Eu sinto dores e letras miúdas já não enxergo. Quando cheguei de manhã e vi o mutirão fiquei surpresa. Foi um milagre de Deus, porque ninguém tem dinheiro para operar particular”, disse a aposentada.

Antônio Santana, de 72 anos, de Santa Luzia, chegou em busca de atendimento para uma cirurgia de catarata. “Achei excelente essa ideia. Estou pedindo a Deus que dê tudo certo. Já não estou mais enxergando direito e preciso o tempo todo andar com acompanhante”, contou.

Daucyana Castro

POSTAGENS

RECENTES


EMSERH realiza 1º Encontro de Coordenadores de enfermagem

Fotos: Laécio Fontenele Durante toda esta sexta-feira (27), supervisores e coordenadores de enfermagem das unidades de saúde administradas pela Empresa [...]

Governo realiza ações do Saúde na Praça no município de Açailândia neste sábado (28)

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares [...]

Governo leva Saúde na Praça à população da Região de Itapecuru-Mirim

Fotos: Ilano Lima O Governo do Estado levou, nesta quarta-feira (25), as ações do Programa Saúde na Praça ao município [...]