21 de dezembro de 2020

Casa de Apoio do Hospital do Câncer recebe doação de cestas básicas da Fraternidade Feminina e Emserh

Fotos: Laécio Fontenelle

Por Daucyana Castro

As famílias dos pacientes assistidos pela Casa de Apoio do Hospital do Câncer Tarquínio Lopes Filho receberam 27 cestas básicas da Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul. Parte das cestas também foi doada pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH).

A Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul é uma entidade paramaçônica feminina, com um número ilimitado de associadas, vinculadas diretamente à uma Loja Maçônica, pertencente ao Grande Oriente do Brasil/GOB. Os representantes da instituição destacaram a importância do desenvolvimento de ações como esta.

“Conseguimos arrecadar algumas cestas básicas para instituições e escolhemos a Casa de Apoio para ser beneficiada. Nossa instituição está completando um mês e no ano de 2021 esperamos continuar apoiando as instituições, ajudando de alguma forma, seja com doações, seja doando nosso tempo ou doando alimento, ser útil à essas pessoas que estão precisando”, ressaltou a conselheira fiscal da Fraternidade Feminina, Aline Ferreira de Oliveira.

A Casa de Apoio é um serviço disponibilizado pelo Hospital do Câncer para atender os pacientes que não tem parentes na capital ou onde não tem onde se hospedar durante o intervalo do tratamento. O local possui 10 quartos e 26 leitos. A Casa oferece hospedagem, 6 refeições por dia e acompanhamento multiprofissional com psicólogo, assistente social e terapia ocupacional.

“Esse é o grande diferencial da Casa de Apoio. Mas que uma hospedagem, nós oferecemos amparo a essas pessoas. A gente acompanha a situação de cada um desses pacientes e a gente percebe que a situação dessas pessoas em seus municípios é de muita carência. Por isso quando nos procuraram, sugerimos que a melhor forma de ajudar essas pessoas é dar o que eles possam usar em casa e dividir com a família, já que o hospital já os mantem com alimentação”, ressaltou Paulo Ferreira, coordenador da Casa de Apoio.

A senhora Maria Edivan é uma das internas da casa. Vinda do município maranhense de Buriticupu, ela está acompanhando o pai, de 70 anos de idade, em tratamento de um câncer de pulmão e agradeceu a doação. “Chegou numa boa hora, a gente tava precisando, a gente agradece muito por isso”.

Daucyana Castro

POSTAGENS

RECENTES


Governo leva Saúde na Praça à população da Região de Itapecuru-Mirim

Fotos: Ilano Lima O Governo do Estado levou, nesta quarta-feira (25), as ações do Programa Saúde na Praça ao município [...]

Lacen comemora 103 anos de fundação com ação para colaboradores

O Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen-MA) completou na última sexta-feira, 20, 103 anos de fundação e para [...]

Equipe da rede estadual de saúde emociona paciente com ida à praia para rever o mar

Fotos: Laécio Fontenele “Só de estar aqui com vocês, com toda a equipe que me auxilia, que cuida da minha [...]