Após Dia D, vacinação contra gripe alcança 45% do público-alvo

O Dia D da Vacinação contra a gripe Influenza, realizado no último sábado(5), impulsionou para 45% (26,9 milhões de pessoas) a cobertura do público-alvo da campanha. Em um único dia da mobilização nacional, 5,5 milhões de pessoas foram vacinadas em 41,8 mil postos de vacinação e nas unidades móveis em todo o país.

“Foi um bom resultado que nos fez crer que estamos no caminho certo para atingir a meta de vacinar, pelo menos, 90% do grupo prioritário até o fim da campanha. A vacina é a maneira mais eficaz de proteger nosso país contra doenças”, destaca o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

O Dia D é uma parceria do Ministério da Saúde com as secretarias estaduais e municipais de saúde e tem como objetivo reforçar a importância da vacinação do grupo prioritário da campanha, formado por pessoas consideradas mais vulneráveis para complicações da gripe

A campanha, que teve início no dia 22 de abril, continua nas próximas três semanas, portanto, a população prioritária que ainda não procurou os postos de vacinação, têm até o dia 31 de maio para se proteger contra três subtipos graves da influenza (A H1N1; A H3N2 e influenza B). A vacina produzida para 2019 teve mudança em duas das três cepas que compõem a vacina, e protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da OMS: A vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença.

Entre a população prioritária, as puérperas registraram a maior cobertura vacinal, com 226,6 mil doses aplicadas, o que representa 64,3% deste público, seguido pelos idosos (52,5%), gestantes (51,2%), crianças (48%) e indígenas (45,1%).

Os estados com maior cobertura até o momento são: Amazonas (88,8%), Paraná (38,8%), Amapá (72,65%), Espírito Santo (58%), Alagoas (32,2%), Rondônia (54,8%). Já os estados com menor cobertura são: Rio de Janeiro (28,11%) Pará (31,9%), Roraima (34,2%) e Acre (35,2%). Em todo o país, a campanha permanece com uma estrutura formada por cerca de 41,8 mil postos de vacinação e com a participação de aproximadamente 196,5 mil pessoas.