27 de julho de 2016

Ações para prevenção das hepatites virais são intensificadas no Maranhão

Foto 1_Francisco Campos_SES_27072017 - Ações para prevenção das hepatites virais são intensificadas no EstadoEm referência ao dia 28 de julho, ‘Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais’, o Governo do Estado intensificou esta semana ações voltadas para a prevenção das hepatites, com conscientização da população e capacitação dos profissionais de saúde no trato da doença. Os sintomas associados as hepatites são cansaço, febre, mal estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados. Contudo, por serem doenças assintomáticas, muitas vezes os sintomas não se manifestam.

Para esclarecer sobre o histórico da doença, prevenção e tratamento, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) iniciou, na segunda-feira (25), uma série de mobilizações em unidades da rede estadual, as ações se estenderão até está quinta-feira (28). Na terça-feira (26), a equipe do Departamento de Hepatites Virais esteve no Centro de Especialidades Médicas e UPA da Cidade Operária e no Centro de Especialidades Médicas e Diagnóstico do Diamante (PAM Diamante).

“Eu já tive hepatite B e acho que, muitas vezes, a pessoa acaba ficando mais doente porque não tem as informações certas. Hoje, ouvindo a palestra que eles fizeram, pude perceber o quanto uma atitude tão simples como a testagem rápida pode influenciar na cura da doença, porque quanto antes se iniciar o tratamento, melhor será para o paciente”, contou a comerciante Alzira Santos, de 48 anos, que esteve no PAM Diamante acompanhando o marido em uma consulta.

Há cinco anos, quando precisou realizar o tratamento para combater a hepatite B, Alzira encontrou dificuldades no atendimento na rede pública. Hoje, ela diz observar que os serviços de saúde ficaram mais acessíveis. “Percebemos que este governo esta preocupado com a saúde. Nunca tinha visto uma equipe que nem é do hospital fazer uma palestra assim só para conscientizar a população. Quando eu estive doente era uma luta, hoje observo que muita coisa mudou na saúde, principalmente, nos hospitais do Estado”, considerou.

Para o diretor-geral do PAM, Phill Camarão, a ação pontual deve ser repercutida periodicamente. “Essas campanhas têm condições de fazer parte permanente da conscientização da população. A hepatite é uma doença perigosa que, inclusive, me acometeu. Passei 20 anos sem saber que tinha e, quando descobri, já era necessário fazer um transplante de fígado. Por isso, é importante fazer os exames e identificar logo se possui, ou não, a sorologia. Hoje estou livre da hepatite C, mas foi um sofrimento enorme, que pode ser tranquilamente evitado se as pessoas procurarem a testagem rápidas para descobrirem precocemente”, ressaltou.

WEBCONFERÊNCIA

 Outras ações têm sido realizadas por meio do Departamento de Hepatites Virais da Secretaria de Estado da Saúde (SES). Na terça-feira (26), com o suporte da sala Telessaúde, no Hospital Universitário Presidente Dutra, foi promovida uma webpalestra com o tema ‘A importância da testagem rápida como ferramenta de diagnóstico precoce das Hepatites B e C’.

A transmissão teve o objetivo prioritário de alcançar as equipes da Atenção Primária das 19 regionais de saúde do Maranhão.  “Essa é uma ferramenta de fácil acesso e que, na verdade, pode ser vista por pessoas de todo o Brasil que queiram acessar a palestra. Estamos focados em reforçar a importância de ampliar a assistência na atenção primária, de forma que todos que possuem a sorologia sejam diagnosticados precocemente”, explicou a coordenadora estadual do Departamento de Hepatites Virais, Ana Karla Guimarães.

emserh

POSTAGENS

RECENTES


Com Avança Mais Saúde no Jardim Tropical, Governo realiza mais de mil atendimentos em São José de Ribamar

Fotos: Adeta Holanda O Programa Avança Mais Saúde deste fim de semana contemplou, mais uma vez, os moradores de São [...]

População aprova serviço de testagem para a Covid-19

Fotos: Adeta Holanda O Governo do Estado ampliou, na última semana, o público do Centro de Testagem para a Covid-19, [...]

Com redução da idade, cresce procura pela quarta dose da vacina contra a Covid-19

Fotos: Adeta Holanda No Maranhão, a quarta dose da vacina contra a Covid-19 já está sendo oferecida para quem tem [...]